O que era pra ser um culto religioso acaba em terror, com pastor morto a tiros.

Pastor foi morto a tiros dentro da Igreja evangélica assembleia de Deus Ministério Apascentando Ovelhas, o que era para ser um encontro de louvor e adoração transformou-se em uma tragédia. Durante o culto na noite do último domingo dia 26 no bairro de Santo Antônio, em Manilha, Itaboraí, na Região Metropolitana do Rio de Janeiro.
Por volta das 20:30 , quando a polícia chegou ao local, o ministro evangélico, identificado como Custódio Gonçalves de 57 anos, já estava sem sinais vitais. A polícia informou que ainda não se sabe o motivo do assassinato e nem a identidade do assassino.
O caso esta sendo investigado pela Delegacia de Homicídios de Niterói, São Gonçalo e Itaboraí.Na madrugada dessa segunda feira dia 27, um suspeito foi levado a delegacia, mas as autoridades não divulgaram nenhuma informação referente ao crime.
Infelizmente no Rio de Janeiro não é o primeiro caso de um líder de igreja ser assassinado. O pastor Marco Aurélio de 48 anos, liderava a Assembleia de Deus Missão Sem Fronteiras, e foi assassinado no dia 11 de novembro de 2016, foi morto enquanto evangelizava traficantes em Belford roxo, na Baixada Fluminense.

Recomendados Para Você: